Como reduzir custos e despesas no posto de combustível?

Data da publicação: 18/10/2021

Compartilhe:

Mão masculina com calculadora em uma mão e caneta em outra faz o controle financeiro do posto de combustível.

Como todo estabelecimento, é muito importante que o posto de combustível tenha um gerenciamento financeiro eficaz. Afinal, o mercado muda constantemente, o que pode ser perigoso caso não haja um controle para emergências. Diante disso, o gestor ou dono precisa saber quando e como reduzir custos e despesas do posto de combustível.

Além disso, isso também pode te ajudar a obter lucros, pois evita desperdícios. Pode parecer um pouco complicado, mas não se preocupe! Nós vamos te explicar os principais fundamentos. Primeiramente, é importante saber qual a diferença de custo e despesas.

Basicamente, o custo é o investimento referente a produção de um produto ou serviço, como o valor referente a compra dos combustíveis. Já a despesa é aquilo que você gasta em relação ao estabelecimento, como as contas de água, luz, recursos para o setor administrativo, marketing, comercial etc.

Agora que você já entendeu a diferença de cada um, vamos para os tópicos que fará você reduzir os custos e despesas do seu posto de combustível.

Fazer um planejamento financeiro

Planejar o financeiro do seu posto pode te auxiliar a ter mais lucros, além de evitar que fique no prejuízo caso ocorra alguma crise interna ou externa. Portanto, analisar os custos e despesas da operação de todos os setores é essencial, pois só assim será possível identificar falhas e sugerir melhorias. 

O ideal é deixar um departamento responsável por isso. Quanto mais detalhes seu planejamento financeiro tiver, melhor serão os resultados.

Ficar atento ao fluxo de caixa

O fluxo de caixa é como o coração do posto de combustível. Por isso, é fundamental que o gestor tenha conhecimento de tudo o que entra e sai do caixa. Só assim, será possível organizar o pagamento de todos os custos e despesas do estabelecimento

Dessa forma, registre todos os processos que permeiam o caixa e também seus gastos fixos. Todos os recebimentos, pagamentos previstos e atuais etc. Além do salário dos colaboradores, impostos, contas, compra de combustíveis, entre outros.

Automatização dos processos

Para que todos esses processos sejam feitos de maneira mais rápida e prática, automatizá-los é a melhor opção. Hoje em dia, existem várias ferramentas que facilitam o gerenciamento financeiro de qualquer empresa, e se todos estiverem interligados, fica mais fácil ainda. 

Fazer o controle manual pode ser mais propenso a erros, além de ser mais demorado e menos seguro. E para quem quer reduzir as despesas e custos, não pode deixar esse recurso de lado, pois as chances de sucesso são maiores.

Afinal, algumas das soluções são a produção de relatórios, que através das análises, é possível identificar e decidir quais estratégias serão utilizadas para obter melhorias no seu negócio. Por isso, investir em tecnologia é essencial.

Fazer o controle de estoque

Apesar de a maior fonte de renda do posto ser a venda de combustível, em alguns casos, também é comercializado outros tipos de produtos, como lojas de conveniência e lava-rápido. Além de produtos relacionados a manutenção do veículo, como óleos, pneus, lubrificantes, entre outros.

Por isso, é preciso ter um cuidado especial ao fazer o controle do estoque. A equipe precisa estar ciente das datas de vencimentos dos produtos e identificar se a quantidades compradas têm sido necessárias ou se está ocorrendo muitos desperdícios. Assim, é possível controlar os gastos e saber onde reduzir as despesas.

Renegociar com os fornecedores

Ao fazer uma parceria com o fornecedor, é estabelecido um valor pela troca da matéria-prima. Porém, é possível tentar negociá-lo após um tempo, em especial se há lealdade e constância na compra deste fornecedor da sua parte.

Essa tentativa é uma alternativa, principalmente nos momentos de aperto no fluxo de caixa. Além disso, a Covid-19 trouxe um cenário instável para todos os empresários, o que deixa a renegociação ainda mais compreensível por parte dos fornecedores. 

Envolver os colaboradores

Deixar os colaboradores cientes da importância da economia de custos e despesas também pode ser muito eficiente. Por isso, estimule o consumo consciente, através de palestras ou workshops que demonstram a necessidade dessa mudança, não só para a empresa, mas também para a sustentabilidade.

Alguns gastos como água, luz e materiais descartáveis podem ser incluídos nessa lista. E se usados com consciência, será mais fácil reduzir os custos. 

Agora você está pronto para reduzir custos!

Depois de todas essas dicas, ficou mais fácil se organizar para reduzir os custos e despesas do seu posto, não é? Com um planejamento financeiro eficaz, contendo todos os itens citados, já pode iniciar as ações na sua empresa.

Gostou do nosso conteúdo? Então, você vai adorar o nosso novo podcast! O Tanque Cheio é o podcast da Academia Corporativa ALE, que leva a você assuntos atuais e relevantes sobre o dia a dia dos postos de serviços, sempre com participantes e convidados que certamente fazem a diferença no seu negócio e na sua vida.

Clique aqui para conferir nossos episódios. Nos acompanhe também nas redes sociais! Divulgamos notícias, promoções e eventos da ALE. Confira: Facebook, Linkedin e Instagram.

  • Posts Relacionados

  • Quais são as normas e medidas de segurança em postos de combustíveis?

    ›››
  • A evolução dos clientes nos postos de serviços e o que eles mais desejam atualmente

    ›››
  • Saiba como aumentar a rentabilidade do seu posto de serviços

    ›››
  • Diferenciais para destacar a sua loja de conveniência dos concorrentes

    ›››